Banner
Voltar para Ideas

#ECONOMIA COMPARTILHADA

Social Bank: o App de democratização do crédito

Social Bank: o App de democratização do crédito

O que você faz quando precisa de um empréstimo? Talvez vá ao banco, espere horas para ser atendido, enfrente toda a burocracia e tenha que pagar as altas taxas impostas. Talvez fique mendigando um parente ou amigo próximo que possa lhe fazer esse favor. E se ao invés de tudo isso, você pudesse simplesmente acessar um aplicativo e encontrar pessoas dispostas a emprestar dinheiro, muitas vezes a jur...os menores do que os dos bancos? É exatamente essa a proposta do Social Bank: “conectar pessoas e transformar o relacionamento com o dinheiro em algo mais saudável, humano e sem intermediários”.
 
Para o outro lado da transação, o negócio também é vantajoso. Ao invés de deixar o seu dinheiro numa caderneta de poupança, rendendo – muitas vezes - menos que a inflação, o investidor deixa numa conta do Social Bank, disponível para ser emprestado a juros um pouco maiores. Funciona assim:

Cada cliente têm uma nota para classificar seu perfil de crédito. Para pedir o dinheiro emprestado, o usuário deve informar o valor que deseja como empréstimo, e qualquer pessoa que esteja cadastrada no sistema, pode emprestar dinheiro. O valor dos juros será definido diretamente entre as partes.

O aplicativo conecta pessoas que estão precisando de uma grana com quem tem um dinheiro sobrando para apoiá-las. Um investimento que promove o bem colaborativo e rende mais do que as poupanças tradicionais. Desta forma, o crédito é democratizado, ao mesmo tempo em que as pessoas que não entendem nada de mercado financeiro (ou de bitcoins) podem fazer investimentos melhores que a tradicional poupança. Isso graças a uma plataforma colaborativa que elimina os intermediários.