Banner
Voltar para Ideas

#Alistamento voluntário

6 países onde o serviço militar não é obrigatório

6 países onde o serviço militar não é obrigatório

Se faltassem padeiros na sua cidade, você acha que a melhor saída seria obrigar pessoas a exercerem esta profissão? Numa sociedade livre não faltam padeiros porque a oferta se adapta à demanda: se ninguém quer exercer uma profissão, ela fica naturalmente mais cara e mais atrativa, e então o mercado se reorganiza. O mesmo deveria acontecer com o serviço militar. Ainda que faltassem voluntários (o que não é uma realidade no Brasil), as soluções de mercado (aumentar os incentivos para os jovens se interessarem pelo alistamento) são muito melhores que a saída coercitiva. Por aqui, o alistamento é obrigatório desde 1906, e muita gente ainda não consegue conceber uma sociedade sem essa coerção. Listamos abaixo 6 países que já aboliram o alistamento militar obrigatório. A gente bem que poderia ser o próximo...Se faltassem padeiros na sua cidade, você acha que a melhor saída seria obrigar pessoas a exercerem esta profissão? Numa sociedade livre não faltam padeiros porque a oferta se adapta à demanda: se ninguém quer exercer uma profissão, ela fica naturalmente mais cara e mais atrativa, e então o mercado se reorganiza. O mesmo deveria acontecer com o serviço militar. Ainda que faltassem voluntários (o que não é uma realidade no Brasil), as soluções de mercado (aumentar os incentivos para os jovens se interessarem pelo alistamento) são muito melhores que a saída coercitiva. Por aqui, o alistamento é obrigatório desde 1906, e muita gente ainda não consegue conceber uma sociedade sem essa coerção. Listamos abaixo 6 países que já aboliram o alistamento militar obrigatório. A gente bem que poderia ser o próximo...
1) Estados Unidos – Nos Estados Unidos o alistamento obrigatório foi abolido em 1973. Em 2006, o governo de George W. Bush, de forma a suprir a falta de tropas na Guerra do Iraque, propôs reintroduzir a medida, mas o Congresso rejeitou a proposta. Acabou sendo liberada a convocação quando o número de voluntários não atinge o contingente necessário para formar um exército. Além disso, imigrantes são incentivados a se alistar para conseguir a sonhada cidadania americana. 
2) Alemanha - O alistamento deixou de ser obrigatório em 2011, mas vários recrutas declararam que serviriam o país voluntariamente. As autoridades alemãs acreditam que atrapalhar os planos de estudo de jovens promissores era um erro.
3) Espanha – Também oferece nacionalidade a estrangeiros em troca do serviço militar, cuja obrigatoriedade foi abolida em 2001. 
4) Sérvia – Desde 2011, o serviço militar é apenas para homens e mulheres que se voluntariarem para participar. 
5) Itália – Desde 2005, o serviço militar não é mais obrigatório para quem não quer seguir carreira na polícia, alfândega ou bombeiros. Nestes casos especiais, o jovem precisa ficar um ano no Exército, recebendo salário de cerca de 1000 euros. 
6) Polônia – aboliu a obrigatoriedade em 2009, modernizando e profissionalizando seu exército. 

 

Fontes: IG; Site de Curiosidades; Viver, trabalhar e estudar no exterior; Folha de S. Paulo ;   Folha de S. Paulo ;   G1